Evolução: conheça os 3 tipos de Emissor de NF-e

Veja quais são os principais tipos de emissor de nota fiscal eletrônica e descubra como cada um deles se integra à gestão fiscal e tributária

Desde o começo do ano, muita coisa já mudou para quem precisa de um emissor de nota fiscal eletrônica. Mas, afinal de contas, o que está realmente à disposição do seu micro ou pequeno negócio quando o assunto é emissão e controle de NF-e?

Para responder essa pergunta, o Blog Saldo MAIS traz hoje a lista com os diferentes tipos de softwares para emissão de nota fiscal e como cada uma dessas opções pode ajudar seu dia a dia. Vamos lá:

#1. Emissor Gratuito de NF-e (da SEFAZ)

Desenvolvido pela Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo, o sistema público fez sucesso no início do plano de modernização da emissão de notas fiscais, por ser gratuito e ter atualizações recorrentes.

Hoje em dia, no entanto, essa é uma solução muito específica e que peca no quesito agilidade. Indicado a quem emite notas apenas de forma esporádica, esse sistema não tem formas de autopreenchimento e nem ferramentas de registro automático. Para o caso de quem precisa de autonomia e controle, sem falar em disponibilidade de tempo para outras tarefas, o emissor da SEFAZ pode não ser a ferramenta mais adequada.

#2. Programa Emissor de NF-e (pacotes via Download)

A ‘segunda fase’ dos softwares de emissão de NF-e chegou como evolução do sistema gratuito da SEFAZ. Novos recursos foram agregados, garantindo mais controle aos clientes.

Para usar esse emissor, o cliente precisa fazer a instalação de um programa em uma máquina específica e configurar quais funções são necessárias. O contraponto fica por conta da necessidade de se manter uma máquina como ponto central da emissão de notas fiscais e para a menor agilidade no processamento dos dados.

Outra questão a ser analisada nesse tipo de software de emissão de NF-e é a forma de se inserir as atualizações de segurança da plataforma: por se tratar de um programa instalado, toda e qualquer configuração ou renovação dos parâmetros deve ser feita pelo usuário.

#3. Emissor de NF-e Online (baseado em Nuvem)

A nova geração dos emissores de NF-e tem como chave a mobilidade. Baseados na Computação em Nuvem, os softwares para emissão de notas fiscais modernos trazem mais agilidade à emissão e validação dos registros por, entre outros pontos, incluírem:

  • Atualização automática dos parâmetros básicos para emissão de NF-e;
  • Ferramentas de registro automatizado, que facilitam o processo de preenchimento das notas;
  • Backup ativo das notas fiscais e dados da operação;
  • Utilização de Servidores de alta performance e segurança reconhecida;
  • Sistema mais leve, que não exige instalação adicional ou infraestrutura específica para utilização (pode ser rodado em qualquer máquina com acesso à internet).

Além disso, as ferramentas hospedadas na Web conseguem otimizar o controle das notas fiscais eletrônicas, com sistemas de visualização intuitiva e rápida comunicação entre empresa, SEFAZ, cliente e contador.

Precisa de um emissor? Teste grátis o Saldo MAIS por 15 dias e descubra na prática todas as vantagens de um emissor baseado em Nuvem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Comunicado IMPORTANTE!

O Saldo Mais, em nome da sua Diretoria, vem por meio deste informar a todos os clientes, amigos e parceiros, que suas atividades estarão sendo encerradas em 31 de janeiro de 2021, prazo este para que nossos clientes tenham tempo hábil para procurar outra solução para emissão de notas fiscais para seus negócios. Novos cadastros estão suspensos, estaremos prestando serviço somente para quem já é nosso cliente.

Informamos também que o plano mensal bem como sua renovação só estará disponível até o mês de Abril (30/04/2020).

Para maiores informações, clique aqui e saiba mais.