o que vai mudar com a NFe 4.0

Saiba em detalhes o que vai mudar com a NFe 4.0

Veja aqui no Blog do Saldo MAIS o que vai mudar com a NFe 4.0, que a partir do dia 2 de abril de 2018 será obrigatório para todas as empresas do país

Quem tem carro sabe que de vez em quando é preciso parar e fazer uma revisão completa, para checar se está tudo funcionando. E é exatamente isso que vai acontecer com as notas fiscais eletrônicas, sabia?

A partir do dia 2 de abril entrará em vigor a chamada NFe 4.0, que trará algumas mudanças para a estrutura das notas geradas em todo o país.

Mudanças práticas da NFe 4.0

Separamos em detalhes o que vai mudar com a NFe 4.0 – e em quais pontos você precisa ficar atento!

Entre as modificações trazidas pelo novo modelo de nota fiscal, as principais novidades são:

  • Opção para operação fora do estabelecimento: este campo será dedicado a quem não trabalha em um escritório fixo e precisa emitir nota fiscal pela venda de produtos, como os vendedores ambulantes ou representantes de negócios;
  • Rastreabilidade de produto: para melhorar o controle sobre produtos que precisam de regulação sanitária, este campo permitirá rastrear itens como remédios, bebidas, agrotóxicos e componentes orgânicos. Será preciso inserir dados de lote, data de fabricação e validade;
  • Fundo de Combate à Pobreza: o layout da NF-e 4.0 traz, também, um novo campo específico para operações internas ou interestaduais de produtos com substituição tributária e valor de ICMS devido ao Fundo de Combate à Pobreza;
  • Grupo Total da NF-e: apresentará o valor total do IPI e será usado em casos quando há a necessidade de devolução de mercadoria por estabelecimentos que não contribuam com essa taxa.

O que vai mudar com a NFe 4.0

Como já falamos aqui, a NFe 4.0 não vai causar grandes transformações em sua rotina. Basicamente, as novidades serão a inclusão de novos campos de descrição e a melhoria dos padrões de segurança na comunicação dos dados.

Para sua empresa, no entanto, a grande questão é a seguinte: sua operação já trabalha com um emissor de notas fiscais configurado para a NFe 4.0?

Se você não tem certeza, o melhor caminho é falar com o fornecedor do seu software de emissão de notas fiscais eletrônicas e confirmar se está tudo certo. Isso pode fazer toda a diferença nessa transição, evitando erros na emissão de suas notas fiscais.

Por exemplo: aqui no Saldo MAIS, trabalhamos com atualizações automáticas, com desenvolvimento contínuo da plataforma. Caso o programa que você usa não tenha essa opção, fique esperto e avalie usar um emissor de NFe online.

E aí, pronto para ter suas Notas Fiscais atualizadas? O Saldo MAIS já está preparado para a NFe 4.0! Quer ver? Experimente o Saldo MAIS 2.0 agora mesmo: são 15 dias grátis! Aproveite!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *