Nunca foi tão fácil sonhar. Aprenda os 5 passos de como abrir sua empresa!

Quem não arrisca não petisca. Engraçado como temos medo de ir em frente em algumas situações e deixamos escapar várias oportunidades.

Aqui, vamos lhe ajudar mostrando 5 (cinco) passos que você deve seguir para abrir sua empresa, seja prestando serviços ou vendendo produtos.

Primeiro passo, tenha um contador.

Ele vai te ajudar informando o menor custo possível com impostos de acordo com o regime de tributação que você vai escolher; além de solicitar os documentos necessários para elaboração do contrato social de sua empresa, gerar as taxas cobradas pelos órgãos públicos para inscrição de sua empresa junto as receitas federal, estadual e municipal e proceder com o registro de sua empresa junto as entidades competentes.

Segundo passo, demonstrativo de carga tributária.

Peça ao seu contador um demonstrativo da carga tributária, informando o percentual de impostos que você deverá pagar de acordo com a atividade de sua empresa.

Terceiro passo, regime de tributação.

Com o regime de tributação escolhido, você irá informar se terá um sócio ou mais, assim sua empresa será LIMITADA. Agora caso você seja o único proprietário da empresa, ela será EIRELI. Depois que você escolher qual tipo de empresa, é a vez de você encaminhar seus dados e/ou dos seus sócios: cópia de identidade, CPF, comprovante de residência, certidão de nascimento ou casamento para o seu contador, para que ele elabore o contrato social de sua empresa. Lembrando, o contrato social é o retrato de sua empresa, nele devem estar descrito, quem são os sócios ou o sócio, se a empresa é LIMITADA ou EIRELI e qual atividade ela irá explorar.

Quarto passo, contrato social.

Com o contrato social elaborado, você e seus sócios, se for o caso, devem rubricar as páginas e assinar o contrato social, reconhecer a firma das assinaturas e entregar para o contador, para que ele dê entrada na junta comercial do seu estado e nos órgãos competentes para que sejam geradas as taxas cobradas por esses órgãos para encaminhar o registro e abertura da empresa.

Quinto e último passo, pagamento de taxas.

Pague as taxas que seu contador lhe encaminhar e entregue estas guias pagas para que ele possa juntar com o contrato social assinado e dar entrada na junta comercial de sua cidade, que fará a análise e assim promoverá o registro e abertura de sua empresa. A partir daí é só arregaçar as mangas e trabalhar duro. Lembre-se o caminho para o sucesso nunca é fácil, a persistência e a capacidade de se reinventar e adaptar é que fará progredir.

Viu como nunca foi tão fácil sonhar e fazer acontecer? Agora deixa o Saldo Mais ajudar você a emitir notas fiscais ilimitadas de qualquer lugar e a qualquer hora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *